Melhores lançamentos literários de julho

banner

Junho está acabando, e como esse mês passou rápido! Depois de muita quermesse e muito frio, é hora de conferir os melhores lançamentos de julho, e esse mês tem para todos os gostos: crônicas, livro ilustrado, clássico (de ficção científica, mas ainda assim, clássico) e livro curtinho para ler em uma sentada!

Trinta e poucos (01 de julho, Companhia das Letras)
Antonio Prata é cronista. Muitas pessoas tiveram o primeiro contato com as crônicas dele na época em que ele escrevia para Capricho, outras muitas pessoas o conhecem pela sua coluna na Folha de São Paulo. Em Trinta e poucos, Prata escolheu suas crônicas preferidas já publicadas no jornal para serem publicadas, agora, em formato de livro. Se seu único contato com crônicas são os livros do Veríssimo, e até tem curiosidade, mas medo de pegar um Rubem Braga ou Nelson Rodrigues, Antonio Prata é um ótimo lugar para se aventurar no mundo das crônicas.

30 e poucos

Os Marvels (04 de julho, SM)
À primeira vista, Os Marvels assusta com suas mais de 600 páginas, mas se você pegar para folheá-lo, vai descobrir que mais da metade da história é contada apenas através de ilustrações, marca registrada do autor Brian Selznick. Se o nome soa familiar é porque ele é o autor de A Invenção de Hugo Cabret, história contada no mesmo formato. O livro conta a história de Billy Marvel e seu cachorro, que, depois de sobreviver a um naufrágio em 1766, inicia a vida como ator no Teatro Real de Londres, sendo o primeiro de uma longa geração de Marvels a emocionar plateias do palco. A história dá uns saltos para o futuro e acompanha dois outros personagens, Leo Marvel em 1900, e Joseph Jervis em 1990.

Os Marvels

Pedra no céu (15 de julho, Aleph)
É impossível falar de ficção científica sem mencionar Isaac Asimov e a Pedra no Céu foi sua primeira obra, sendo um complemento fundamento para as outras obras do autor (e também uma ótima forma de começar a se aventurar pelo gênero e pelas histórias de Asimov). Para aqueles já familiarizados com o autor graças a sua obra mais consagrada, Fundação, vocês vão reconhecer o Império nas páginas desse livro, quando o protagonista, Joseph Schwartz, é transportado involuntariamente para o futuro devido a um acidente em um laboratório, e se encontra às margens do grandioso Império.

Pedra no Céu

O Adulto (23 de julho, Intrínseca)
Não é novidade que a gente adora a Gillian Flynn, e enquanto ela não lança um novo livro, essa novela é ideal caso você queira ler algo enquanto está em um fila de espera, tendo só 64 páginas. Como a maioria das histórias da Flynn, é sempre melhor mergulhar às cegas e se preparar para ser surpreendido, então vamos apenas dizer que a protagonista vive de enganar as pessoas trabalhando como vidente e uma de suas clientes acredita que a mansão onde mora é amaldiçoada.

O Adulto

Bells Cavalcanti

Fiction is a lie that tells us true things, over and over

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *