“O menino que desenhava monstros” – Resenha

Se vocês acompanham as resenhas que postamos por aqui, devem lembrar que a experiência com os livros da DarkSide Books estava bem meio a meio: dois livros foram considerados de mais ou menos a ruim, e dois foram considerados incríveis. O menino que desenhava monstros aumentou para três a contagem dos livros da editora pelos quais me apaixonei.

Jack Peter é um garoto de 10 anos que tem síndrome de Asperger (é um dos espectros do autismo) e que, desde que quase se afogou aos sete anos tem fobia do lado de fora: deixou de ir a escola, não brinca mais lá fora, e sempre que precisa ir ao médico o pai precisa envolve-lo completamente em um cobertor e lutar para conseguir leva-lo até o carro. Jack Peter tem apenas um amigo, Nick, que sempre vai visita-lo para poderem brincar, e a nova obsessão de Jack Peter são monstros.

o menino que desenhava monstros

Ele está convencido que há monstros debaixo da cama e também começa a passar horas do dia desenhando apenas monstros. Os pais pensam que é besteira, apenas mais uma obsessão, até que o pai começa a ver coisas estranhas e a mãe a ouvir barulhos pela casa no meio da noite.

A narrativa consegue ser carregada de tensão mesmo com uma escrita mais simples e consegue carregar o leitor a deduções espertas mas nem sempre assertivas. Como James Wan, diretor de Invocação do Mal, diz no blurb da capa, essa é uma história assustadora e delicada.

o menino que desenhava monstros 03

O terror nesse livro é do melhor tipo, do tipo que te mostra, não diz. Se você estiver lendo sozinho, especialmente no meio da noite, não fique surpreso se ouvir os barulhos mencionados, ou pensar que viu algo à espreita no cantinho escuro do quarto. O fato de no próprio livro os personagens não saberem ao certo se viram ou não alguma coisa ajuda a criar a atmosfera de medo, afinal, como você vai ter certeza se não havia alguém encarando você que apenas desapareceu quando você decidiu dá uma olhada mais atenta?

Ah! E o final ainda é capaz de te surpreender.

Título: O menino que desenhava monstros
Autor: Keith Donohue
ISBN: 9788594540010
Editora: DarkSide Books
Páginas: 260
Classificação: ★★★★★

Bells Cavalcanti

Fiction is a lie that tells us true things, over and over

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *