Royal Blood intima Mariah Carey e Celine Dion

O duo de Brighton formado por Mike Kerr e Ben Thatcher está numa crescente em direção ao topo das paradas de sucesso com seu primeiro disco. Apesar do som pesado, eles não se importariam de convidar alguns grandes nomes para se juntar a eles. E não estamos falando do Corey Taylor ou de Robert Plant.

“Gostaríamos que Mariah Carey ou Celine Dion se juntassem a nós. Elas poderiam gravar os backing vocals”, comentou o baterista Ben com o Daily Star, brincando.

“Mas obviamente Jimmy Page é o cara. Seria ótimo tê-lo num solo com a gente. Por enquanto, vamos continuar só eu e Mike e ver o que acontece.”

O Royal Blood parece ter se utilizado de métodos, no mínimo, inusitados durante as gravações. “Criávamos vários riffs e batidas e dividíamos o material em duas pilhas: uma com o que ficou bom e outra com o que ficou ruim. Então usávamos os ruins para criar nossas músicas”.

“Tem várias músicas que escrevemos e amamos, mas elas não combinavam com o tema do álbum, então, com sorte, usaremos como B-sides”.

Bruna Manfré

não é boa com descrições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *