9 motivos para estar empolgado com “Animais Fantásticos e Onde Habitam”

fantastic-beasts-and-where-to-find-them

Desde 2011, quando saiu a última parte de “Harry Potter e as Relíquias da Morte”, estamos meio órfãos de Harry Potter e todo seu universo. Tudo bem, teve a peça de “Harry Potter e a Criança Amaldiçoada”, fora o livro com o roteiro… Mas nada se compara a ouvir aquele tema criado por John Williams nos cinemas.

E aí, bem de surpresa, ficamos sabendo que não teríamos só um filme para “Animais Fantásticos e Onde Habitam”, mas logo cinco. C-I-N-C-O! <3 Enquanto contamos os dias para 17 de novembro, listei aqui nove motivos para você também se empolgar com o lançamento:

1 – É a estreia de J. K. Rowling como roteirista

Em todos os filmes da saga de Harry Potter, J. K. esteve envolvida. Mas sua participação ficou mais como conselheira, acompanhando todo o processo. Em Animais Fantásticos, ela é a responsável por todo o roteiro, o que pode tornar as coisas muito mais interessantes! A parte ruim é que a gente bem sabe que ela tem a síndrome de George R. R. Martin e não tem dó de matar ninguém.

jk-rowling

2 – Sua origem: “Animais Fantásticos e Onde Habitam”

Não sei se vocês lembram, mas “Animais Fantásticos e Onde Habitam” foi um livro lançado em 2001 sob o pseudônimo de Newt Scamander – com direito a notas nas margens escritas por Harry e Rony, porque, afinal, era propriedade do menino que sobreviveu. Se o filme tiver metade dos animais do livro, já estaremos bem servidos. Nem precisaria de vilão!

animais-fantasticos-livro

Foto: Co-Op Geeks

3 – Tudo se passa nos anos 20

Como falamos aí em cima, quem assina “Animais Fantásticos” é Newt Scamander. E é exatamente a história dele que acompanharemos na nova saga… Nos anos 20! Pensa: jazz + figurinos incríveis + Harry Potter.

anos-20-fantasticbeasts

4 – Vamos conhecer bruxos norte-americanos

Enquanto Harry Potter e sua turma tem aquele sotaque inglês maravilhoso e suas próprias gírias, descobriremos quase que um novo mundo em Animais Fantásticos: é outra época, outro povo. Para começar, eles não falam “trouxa”, e sim “não-maj” ou “não-mágico”. Meh. Mas quem sabe surge algo interessante daí?!

new-york-fantasticbeasts

5 – Os animais fantásticos, óbvio

Só nos poucos minutos de trailer, já vimos pelo menos uns quatro novos. Agora imagina o que o filme completo nos reserva! Meus queridinhos são os Nifflers, esses clepto fofos que amam coisas brilhantes

nifflers

6 – David Yates tá na direção

Caso você não esteja familiar com o nome, eu explico: ele foi o responsável pelos últimos quatro filmes de Harry Potter. Parece que é ele também que ficará responsável pelos cinco, se tudo correr bem.

david-yates

7 – Não é só David e J. K. que são familiares…

…Inclusive, já adiantaram que Dumbledore volta <3 Aliás, muito se especula sobre isso. Nessa época, o grande vilão era Grindelwald (que vai ser interpretado por Johnny Depp, talvez), citado algumas vezes durante a série. E foi Dumbledore que o derrotou numa batalha épica, que possivelmente entrará nos próximos filmes. Ah, vale dizer que foi mais ou menos por aí que Voldemort nasceu, apesar de não sabermos se vão comentar esse fato.

dumbledore-fantasticbeasts

8 – O elenco inteiro é incrível

Para começar pelo Eddie Redmayne como protagonista depois do Oscar mais que merecido por “A Garota Dinamarquesa”. Katherine Waterston, Colin Farrell, Dan Fogler, Zoë Kravitz… São vários os talentos em meio à seleção de casting que fizeram para o primeiro filme – e ainda resta saber quem será o young!Dumbledore nos próximos!

eddie-redmayne

9 – Mas eu só tenho duas palavras mesmo para te dizer:

Ezra. Miller. <3 Cadê seu filme como Flash, hein?

ezra1

ezra2

Bruna Manfré

não é boa com descrições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *