Inquietude, eletrônica lo-fi e road movie marcam “Par de Ondas”, a nova do Nuven

O novo normal é não ter nenhum normal. É uma queda livre em um espiral de ansiedade, reflexões e esperança. E não acho que outro trabalho conseguiria traduzir isso tão bem quanto o novo clipe do Nuven, “Par de Ondas”.

A faixa ajuda a moldar “Hiperreal”, EP do projeto eletrônico assinado pelo produtor paulistano Gustavo Teixeira. A inquietude de um substrato de batidas sintéticas se contrapõe e complementa a delicadeza e melancolia do piano e da voz de Ale Sater, vocal e baixista do Terno Rei que gravou em participação especial.

“A voz me inspirou a mudar os timbres que eu já havia escolhido, levando a intenção da faixa para outro lugar. Mudei os sons da bateria, os sintetizadores, o órgão virou piano e reestruturei tudo para que ficasse mais com um formato de canção”.

Acompanhando a música, “Par de Ondas” evoca “Into the Wild” no, acredite se quiser, primeiro clipe do diretor e fotógrafo Nicolas Camargo. Os elementos do road movie (gatilho!), em tons lavados e etéreos, foram gravados entre Urânia, no interior de São Paulo, e Aparecida do Taboado, no Mato Grosso do Sul, intensificam a sensação de isolamento e imersão em si.

A saber, o EP completo está previsto para o dia 14 de agosto pela Balaclava Records e ainda conta com uma faixa em parceria com Apeles.

Bruna Manfré

não é boa com descrições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *