“Year of Yes” – Resenha

year-of-yes-9781476777092_hr

Year of Yes, por Shonda Rhimes
★★★★★

Sinopse:
Com três grandes shows na televisão e três crianças em casa, a super talentosa Shonda Rhimes era cheia de boas razões para dizer NÃO quando um convite inesperado chegava. Festa em Hollywood? Não. Discursar como incentivadora? Não. Aparecer na mídia? Não. E havia um lado positivo em dizer Não para uma introvertida como Shonda: nada novo para ter medo.
Então a irmã de Shonda propôs um desafio: só por um ano, tente dizer SIM para os convites inesperados que surgirem. Shonda aceitou de forma relutante – e o resultado não foi outro se não transformador. Em Year of Yes, Shonda Rhimes conta o impacto poderoso que dizer sim teve em todos os aspectos da vida dela, e como podemos mudar nossa vida com uma palavra tão pequena. Sim.

Livros de não-ficção são uma paixão. A gente aqui ama How to Get Away With Murder, e amamos a Shonda Rhimes por ter criado algo como HTGAWM. Então, CLARO, que íamos ler esse livro. Qual a melhor forma de começar o ano do que lendo algo que se chama Year of Yes (O ano do Sim, em português)?

Essa capa do livro também ajuda a acalmar. Talvez seja todo o azul.

Aqui está o que sabia sobre Shonda Rhimes antes de ler esse livro: tudo que ela toca vira ouro. Nunca assisti Grey’s Anatomy. Ou Scandal. Ou Private Practice. (Vocês ainda estão lendo depois disso? Eu sei, me desculpem.) Mas eu vi um monte dela em 2015, porque, de repente, ela estava na capa de todas as revistas, e todo mundo estava falando dela. Finalmente comecei a ver uma das séries dela, e me apaixonei, amei os personagens e amei como todo mundo parece tão real e tão não-clichè. Então isso era tudo que eu sabia sobre ela e o suficiente para me fazer adora-la.

Depois desse livro? Eu a amo ainda mais.

shonda rhimes

A escrita dela é divertida e real, e aposto que muitos de vocês poderiam se identificar com as coisas que ela fala, sobre como ser introvertida e sem jeito, e com medo de fazer qualquer coisa, como ela era feliz vivendo no mundo dentro da cabeça dela – até ela perceber que ela não era feliz de verdade.

Ela também incluiu alguns dos discursos que ela deu durante esse ano do sim, falando sobre diversidade, e direito das mulheres. (Se você não acha que quer ler esse livro, procure os discursos dela no google, especialmente o que ela deu para o Human Rights Campaing, é incrível.)

Lendo esse livro, você vai rir até chorar, vai perceber que está tudo bem em ser quem você é mas que também não há problemas em perceber que não está feliz do jeito que você sempre foi e decidir mudar. Vai perceber a importância de dizer “sim”, mas também como “não” é uma palavra igualmente importante. Vai chorar. Vai terminar e querer assistir Grey’s Anatomy (ela fala bastante sobre a série, já que foi a primeira dela).

Título: Year of Yes: How to Dance It Out, Stand In the Sun and Be Your Own Person
Autor: Shonda Rhimes
ISBN: 1476777098
Editora: Simon & Schuster
Páginas: 336
Classificação: ★★★★★

Bells Cavalcanti

Fiction is a lie that tells us true things, over and over

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *